« Veja mais notícias


Tecnologia deve deixar internet 100 vezes mais rápida

 Publicada em 17/07/2013
 
 

Pesquisadores das universidades britânicas de Bath e de Exeter descobriram que a utilização do grafeno como condutor de redes de telecomunicações pode aumentar a velocidade da internet em 100 vezes.

Hoje as informações são processadas e transmitidas por meios como fibra óptica, lasers e fotodetectores, enviadas por fótons em comprimentos de onda infravermelha e processadas usando interruptores ópticos, que convertem os sinais em impulsos de luz.

Tudo isso acontece a uma velocidade de picossegundos, que correspondem a cerca de um trilionésimo de segundo.

Os departamentos de física das duas universidades descobriram que, ao usar uma fina camada de grafeno junto ao interruptor, as informações são processadas e transmitidas à velocidade aproximada de 100 femtosegundos - ou seja, quase 100 vezes mais rapidamente que a estrutura atual.

O grafeno teria a espessura de um átomo, mas ele é extremamente resistente e maleável, e é mais barato que os materiais atuais. Para se ter uma idéia, seria necessário o peso de um elefante concentrado sobre um lápis para romper uma folha de grafeno.

 

Voltar

 

17/07/2013
Tecnologia deve deixar internet 100 vezes mais ráp
02/01/2013
Veículo elétrico recebe energia pelos pneus
27/12/2012
Concreto biológico
02/10/2012
Meio carro, meio moto dispensa o equilíbrio
26/09/2012
Interligação de chips por luz pronta para a indúst
Veja mais notícias  
Rua Francisco Beltrão, n° 1000
Bairro Pacaembu – Cascavel/PR
© Copyright 2008 Proenerg Todos os direitos reservados.